Maiores bilheterias do ano – parte 7

Hancock

 

Will Smith se consolida com o maior astro da atualidade com esse filme sobre um super-herói, que não é adaptação de nenhum quadrinho. Hancock é daquele tipo de roteiro que foi criando a muito tempo, mas só depois de alguém realmente influente tomar conhecimento de sua existencia, é que ele é filmado.

Will Smith interpreta Hancock, um super-herói que perdeu a sua popularidade entre aqueles que ele protege quando suas tentativas de resgate nem um pouco convencionais provocaram um terrível caos na cidade. Durante um resgate, Hancock conhece Ray Embrey (Jason Bateman), um agente de Relações Públicas recentemente demitido que se oferece para representar e recuperar a imagem pública de Hancock. Quando a mulher de Ray, Mary (Charlize Theron), e Hancock se encontram, ocorre uma inexplicável e imediata conexão entre os dois.

O grande problema do filme é sua mudança de gênero no meio da historia. A coisa toda começa com um super-horoi bêbado, que destrói metade da cidade todas as vezes que vai salvar alguém e por isso mesmo, é odiado pelas autoridades e pelos próprios habitantes. Depois que Hancock conhece Ray Embrey e vai passar uma temporada na cadeia, a criminalidade aumenta e ele é recrutado para impedir um assalto a banco. Já regenerado, Hancock cai nas graças dos cidadãos, porém surgem revelações sobre seu passado, e a partir daí o espectador não solta mais um riso sequer.

O filme é relativamente pequeno para uma reviravolta tão grande. Se num minuto você ta rindo das atrapalhadas tentativas de salvamento do protagonista, no outro tudo fica muito serio e dramático.

Eu prefiro a segunda parte do filme. Não acho que funcione uma comédia com um cara com superpoderes. Por mais que os efeitos sejam bons, tudo acaba parecendo sem sentido e forçado.

Com seqüência confirmada, Hancock rendeu $623,546,274.

 

Fonte sinopse: http://www.cinepop.com.br/filmes/hancock.htm

 

 100 melhores personagens da história do cinema.

O site Empire listou os 100 melhores personagens da história do cinema. Separei os 25 primeiros colocados, a maioria deles bem contemporâneos, para postagem aqui.  

 1 - Tyler Durden (Clube da Luta)

 

Faz muito tempo que assisti a Clube da Luta, mas não consigo me esquecer dos diálogos incríveis envolvendo esse personagem, talvez o melhor da carreira de Brad Pitt. Se merece o primeiro lugar, eu não sei, mas com certeza é um personagem complexo e interessante.


2 - Darth Vader (Star Wars trilogia)

 

Esse pode não ser o melhor personagem, mas com certeza é o melhor vilão de todos os tempos. Ícone dos anos 70 e 80, teve sua origem contada da controversa trilogia lançada entre 1999 e 2005.

 3 - Coringa (Batman - O Cavaleiro das Trevas)

O ano de 2008 vai ficar marcado como o ano de uma das interpretações mais brilhantes de todos os tempos. Há muito tempo que um filme não chamada tanta atenção, e que um personagem não causava tanto burburinho. E basta assisti ao filme, que você irá ver que nada disso tem haver com a morte do ator.

4 - Han Solo (Star Wars trilogiatrilogia)

 

Star Wars aparece na lista mais de uma vez. Han Solo é o típico anti-heroe que acaba se convertendo e ganhando a simpatia de todos. Não sei se merecia estar entre os 5, mas com certeza


5 - Hannibal Lecter (Silêncio dos Inocentes)

 

Se Darth Vader é o maior vilão, Hannibal é o maior psicopata. Extremamente inteligente e culto, e brilhantemente interpretado por Anthony Hopkins, esse personagem causou pesadelos em muita gente no inicio dos anos 90.

6 - Indiana Jones

 

O maior aventureiro do cinema consagra Harrison Ford como um dos maiores astros de todos os tempos. No inicio do ano, revi toda a trilogia Indiana Jones e é incrível como os filmes continuam divertidíssimos. Sempre com uma piada na ponta da língua, mesmo quando está em perigo, Indiana faz qualquer perigo parecer passeio no parque.

 7 - Dude (O Grande Lebowski)

 

Nunca ouvi falar, para ser sincero. Mas fiquei interessado em ver o filme.

8 - Capitão Jack Sparrow (Piratas do Caribe trilogia)

 

Outra grande surpresa dos últimos tempos, Jack veio para mostrar que há vida inteligente por trás de blockbusters. Johnny Depp que a muito não aparecia nos grandes circuitos ganhou ate uma indicação os Oscar, por fazer esse pirata meio gay em uma das trilogias mais lucrativas já feitas.


9 - Ellen Ripley (Alien)

 

Primeira mulher entre os escolhidas, essa também foi a primeira protagonista feminina num filme de ficção e ate pouco tempo era dona da maior bilheteria de um filme protagonizado por uma mulher. Somente ela para enfrentar a criatura mais aterrorizante do cinema.

 10 - Vito Corleone (O Poderoso Chefão)

 

Considerado por muitos o maior ator de todos os tempos, Marlon Brando imortalizou-se na figura do chefe de uma gangue italiana, conhecido como "o padrinho". Sua transformação para o personagem é incrível, assim como os trejeitos criados por ele.

11 - James Bond

 

Interpretado por muitos, James Bond é o espião mais lembrado, com certeza. Sean Connery foi o primeiro a interpretá-lo e continua sendo o preferido da maioria dos fãs.

12 - John McClane (Duro de Matar)

 

 Quando parecia que não havia mais criatividade e que os filme de ação estavam condenados a serem todos iguais, eis que surge Duro de Matar, com um agente lutando contra o terrorismo. Porem o diferencial aqui, é que Bruce Willis interpreta um policial extremamente humano, que se machuca literalmente o filme inteiro.

 
13 - Gollum (O Senhor do Anéis)

 

Meu personagem favorito na trilogia do Um anel. Ele é feio, mal e digitalizado, mas o sofrimento e a complexidade do personagem causam uma empatia tão grande que dá vontade de você tomar o Um anel de Frodo e entregar para ele.

 14 - O Exterminador (O Exterminador do Futuro)

 

Personagem mais importante da carreira de Arnold Schwarzenegger, esse personagem é também o responsável por uma das frases mais icônicas de todos os tempos: "Hasta la vista, baby".

15 - Ferris Bueller (Curtindo a Vida Adoidado)

 

Todo mundo uma vez na vida quis ser esse cara. Ele é popular, fila aula e ainda se dá bem.

Clássico da sessão da tarde aqui no Brasil, esse filme deveria ser obrigatório nas escolas.

16 - Neo (Matrix trilogia)

 

Apesar de Matrix está no meu Top 3 de trilogias, não acho Neo um personagem tão interessante. Keanu Reeves se encaixou perfeitamente em seu personagem mais significativo. Um hacker, que descobri que as coisas não são nada como ele imagina.


17 - Hans Gruber (Duro de Matar) 

Vilao do primeiro Duro de Matar.

18 - Travis Bickle (Taxi Driver) 

 

Também não vi esse filme, ainda!

19 - Jules Winnfield (Pulp Fiction)

 

Vi recentemente Pulp Fiction, e o que tenho a dizer é que esse não é um filme que tem uma historia, é um filme que tem personagem. Quentin Tarantino parece desenvolver cuidadosamente cada personagem de seus filmes antes mesmo de criar uma historia que os uma. Samuel L. Jackson interpreta esse capanga de um chefão de uma gangue, dono de diálogos incríveis sobre chesse burger, que se converte e resolve abandonar uma vida de crimes.

20 - Forrest Gump (Forrest Gump)

 

Dispensa comentários. Com certeza um dos filmes mais lembrados, um dos atores mais conhecidos, um dos personagens mais lembrados dos anos 90.

 21 - Michael Corleone (O Poderoso Chefão)

 

Interpretado por um jovem e desconhecido Al Pacino, Michael desponta como o grande protagonista da trilogia dos Corleone.

 22 - Ellis "Red" Redding (Um Sonho de Liberdade)

 

Nesse drama adaptado do livro de Stephen King, Morgan Freeman interpreta o típico conselheiro de presídio, presente em todos os filmes sobre o tema.

23 - Harry Callahan (Dirty Harry na Lista Negra)

 

Clint Eastwood da vida a mais ícone do cinema americano.

24 - Ash (A Morte do Demônio)

 

Eu já era fã de Sam Raimi muito antes dele dirigir a trilogia do Homem Aranha. Tudo isso por causa de uma outra trilogia de sua autoria. Evil Dead (que aqui no Brasil se transformou em A morte do Demônio, Uma noite alucinante 2 e Uma noite alucinante 3), narra as aventuras de Ash, um cara comum que se envolve nas situações mais bizarras, quando encontra o livro dos mortos. Sem tanto destaque no primeiro filme, é no segundo que ele desponta como protagonista. E quando a serie começa a tender para o lado da comedia, ninguém segura.

25 - Mestre Yoda (Star Wars)

Yoda é um dos poucos personagens vistos em toda a hexalogia de George Lucas. Visto sempre como jedi conselheiro e experiente, somente nos episódios 2 e 3, ele mostra sua força.

Incrível, como poucos filmes tem tantos personagem tão lembrados.

Maiores bilheterias do ano – parte 6

 Iron man!

 

Esse filme é unanimidade entre as maiores surpresas do ano.

Como não sou ligado a quadrinhos, antes do anuncio desse filme eu nunca ouvira falar sobre Homem de Ferro, não tinha idéia de quem era Tony Stark. Algum tempo depois do anuncio da adaptação para as telonas de Iron man, tudo isso mudou. É realmente incrível a popularidade alcançada por um herói pouco conhecido em tão pouco tempo. Homem de ferro foi um dos filmes mais populares do ano, e nada mais justos do que seus $571,827,600 arrecadados.

A vida do inventor e maior fornecedor de armas do governo americano Tony Stark nunca mais será a mesma depois que ele é atacado e mantido refém por um grupo de rebeldes afegãos.
Ferido por estilhaços de granada que se alojam perto de seu coração, Tony recebe a ordem de construir no cativeiro uma devastadora arma, mas, em vez disso, usa suas habilidades para criar uma armadura que permite que ele consiga fugir.
Ao retornar aos Estados Unidos, Tony promete dar um novo rumo às Indústrias Stark. Ele passa dias e noites desenvolvendo e aperfeiçoando uma avançada armadura que lhe propiciará uma força sobre-humana. Quando Tony descobre um plano abominável com implicações globais, jura proteger o mundo como sua nova personalidade, o Homem de Ferro.

O grande trunfo desse filme é conseguir fazer um filme interessante do inicio ao fim. Não há pressa em mostrar a armadura, e o espectador não tem pressa em vê-la, pois o filme é interessante como um todo, a armadura é só o melhor disso tudo. Outro grande acerto foi apostar no carisma de Robert Downey Jr., grande ator que a muito não se envolvia em grandes projetos, some isso ao talento de Jon Favreau e você tem um dos melhores filmes do ano, e uma das melhores adaptações de quadrinhos.

A Marvel como não poderia deixar de ser, já anunciou a seqüência para 2010. É esperar para ver se eles terão o cuidado que tiveram com o primeiro filme.

 Fonte sinopse: http://www.cinepop.com.br/filmes/homemdeferro.htm

 

[ página principal ] [ ver mensagens anteriores ]



Meu Perfil
BRASIL, Nordeste, FEIRA DE SANTANA, TOMBA, Homem, de 20 a 25 anos, Portuguese, English, Cinema e vídeo, Música, internet
Outro -